Perder peso para melhorar a autoestima e ter saúde, portanto nesse blog tem tudo o que é relativo aos meus cuidados e interesses com a aparência e saúde.
Mostrando postagens com marcador Alimentos Saudáveis. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Alimentos Saudáveis. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 16 de março de 2017

Para emagrecer com saúde

O peso caiu mais um pouco hoje: 76,000 Kg
Garimpei mais uma vez o blog, e fui anotando algumas coisas que me ajudaram a emagrecer em outros momentos, e que pretendo voltar a acrescentar na minha rotina:
  • caminhada
  • gelatina - para quando der vontade de comer doce
  • chá verde com gelo
  • frutas variadas - nos intervalos entre as refeições principais
  • barra de cereais - nos intervalos entre as refeições principais
  • castanha do Pará - uma por dia
  • damasco - um por dia
  • colágeno em pó
  • ômega 3
  • aveia
  • canela em pó
  • yakult
  • iogurte
  • chia - no iogurte
  • suco de uva integral - de vez em quando, porque é bastante calórico
  • água de coco
  • ovo cozido

quarta-feira, 15 de março de 2017

Consumindo Açafrão


O açafrão-da-terra, também conhecido como cúrcuma, açafrão da índia e gengibre amarelo, é uma raiz da família do gengibre. No mundo todo há mais de 100 espécies da família Cúrcuma, mas o açafrão que consumimos vem da Curcuma longa. Este tempero se destaca pela ação antienvelhecimento e antioxidante e segundo uma pesquisa da Universidade da Califórnia é capaz de reduzir o risco da doença de Alzheimer. A cúrcuma também protege contra diversos tipos de câncer e tem ação anti-inflamatória.

O açafrão contém diversos minerais e vitaminas, com destaque para o potássio, que ajuda a controlar a pressão arterial e previne derrames. Também é fonte de vitaminas C, aliada da imunidade, e vitamina B6, que é benéfica para o cérebro.

O tempero ainda conta com ferro, que previne anemias, manganês, essencial para o metabolismo do colesterol e para o crescimento, cálcio, que é aliado dos ossos e dentes, e magnésio, importante para o metabolismo de glicose. Proteína, boa para os músculos, gordura e um elevado teor de fibra solúvel, que melhora o trânsito intestinal, também estão presentes no açafrão-da-terra. No entanto, o seu grande valor reside na curcumina, um polifenol com ação antioxidante e anti-inflamatória, responsável pela cor amarela intensa do açafrão.

São inúmeros os benefícios da curcumina, principalmente pelo seu efeito antioxidante e anti-inflamatório. Ela contribui para o combate ao câncer de próstata, mama, melanoma, pâncreas, diminui o risco de leucemia e mieloma múltiplo, e a ocorrência de metástases em diversos tumores. Desintoxica o fígado, é benéfico para o coração, ajuda no controle do diabetes, neutraliza radicais livres, reduz a inflamação da artrite, tem ação analgésica, antisséptica e antibacteriana. Age no metabolismo das gorduras auxiliando na perda de peso, ajuda na acne, na psoríase e outras doenças de pele, e acelera a cicatrização. Previne a doença de Alzheimer, combate a depressão e a esclerose múltipla. Todos estes efeitos são documentados por inúmeros estudos científicos.

Ajuda na perda de peso: Um estudo publicado pelo Journal of Nutrition mostrou a ação da cúrcuma na inibição da lipogênese, produção de gordura pelo corpo. O tempero reduziu o percentual de gordura corporal no grupo que ingeriu o condimento. A dose usada no estudo foi de cinco gramas por dia, equivalente a uma colher de chá rasa.

Outros estudos sinalizam que a ação anti-inflamatória da curcumina é um dos mecanismos que ajudam na perda de peso. Uma pesquisa publicada no European Journal of Nutrition sugere que curcumina pode ser útil no tratamento e prevenção de doenças crônicas relacionadas com a obesidade porque a curcumina interage em vários caminhos metabólicos capazes de reverter a resistência à insulina (pré-diabetes), hiperglicemia (açúcar alto no sangue), hiperlipidemia (colesterol elevado) e outros sintomas inflamatórios associados a obesidade.

terça-feira, 14 de março de 2017

Ingerindo óleo de coco

Quatro colheres de sopa por dia, é a quantia média recomendada para o consumo do óleo de coco, uma gordura saturada, mas de origem vegetal. O produto 100% natural apresenta propriedades que favorecem a perda de peso, reduzem o colesterol ruim e até controlam os níveis de açúcar no sangue. 
Além desses benefícios, o óleo de coco certamente deve ser um alimento que não pode faltar na dieta de quem tem diabetes ou de quem não resiste a uma guloseima. Assim como os alimentos ricos em fibras, ele ajuda a manter níveis estáveis de glicose no sangue e não estimula a liberação de insulina, o que diminui a compulsão por carboidratos. Ao contrário de outros óleos poli-insaturados, que dificultam a entrada de insulina e outros nutrientes dentro das células, o óleo de coco favorece essa entrada e, por isso, a taxa de açúcar no sangue fica normalizada.
Por ser uma gordura, o óleo de coco tem uma digestão diferenciada. Ele permanece mais tempo no estômago do que um carboidrato, por exemplo, o que aumenta a sensação de saciedade. Com o apetite reduzido fica mais fácil segurar a vontade de petiscar o dia todo, hábito que pode sabotar a dieta e, consequentemente, o desejo de emagrecer.
Se consumido diariamente, o óleo de coco aumenta o gasto energético do organismo. Ele estimula o funcionamento da glândula tireoide, que está diretamente ligada ao nosso metabolismo, o que aumenta a queima de calorias. Assim, não adianta apostar em dietas radicais se essa glândula e, consequentemente, seu metabolismo não está funcionando adequadamente. O ponteiro da balança simplesmente não sairá do lugar.
Por ter rápida absorção e solubilidade, o óleo de coco também é amigo do intestino. Seus componentes agem normalizando o trânsito intestinal. As ações benéficas para o intestino também valem no caso de o intestino solto, pois ele ajuda a eliminar bactérias perigosas e favorece o crescimento da flora intestinal saudável.
O bom funcionamento da tireoide, favorecido pelo consumo de óleo de coco, também garante a redução do colesterol LDL (colesterol ruim) e a elevação do colesterol HDL (colesterol bom). Isso ocorre porque essa glândula consegue metabolizar esse componente na formação de hormônios essenciais. Com a normalização da taxa de colesterol sanguíneo há diminuição do risco de doenças cardiovasculares.
Outro benefício do óleo de coco é o fortalecimento do sistema imunológico. Ele age no combate e na prevenção contra o ataque de bactérias e fungos que ameaçam nossa saúde e ainda melhora a absorção de nutrientes, reforçando as defesas do organismo. Isso ocorre devido ao ácido láurico, também presente no leite materno e que tem o poder de combater inúmeras infecções.
O óleo de coco promove a diminuição de radicais livres presentes no organismo, responsáveis pelo envelhecimento celular. Isso acontece graças a ação de componentes da vitamina E, presentes no óleo. Até certo nível, os radicais livres são benéficos para o corpo, mas o acúmulo pode causar não só o envelhecimento precoce, como também o desenvolvimento de um câncer em decorrência da oxidação de células saudáveis.

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Vinagre de maçã


Fiz uma receita com vinagre de maçã, que ajuda a controlar Colesterol e Triglicérides:
  • 500 ml de vinagre de maçã
  • 1 litro e 1/2 de água
  • mel para adoçar à gosto

Misturar, deixar na geladeira por cinco dias. Após esse período, beber 50 ml de manhã e 50 ml à noite.

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Comprinha Alimentação Saudável


1 pacote de pães integrais (10 unidades)
1 garrafa de suco de uva integral (1,5 L)
1 caixa de água de côco 
1 garrafa de Activia
1 caixa de Aveia em flocos finos
1 bandeja de Yakult
200 g de castanha do Pará
100 g de colágeno em pó
200 g de damasco desidratado
1 pacote de balas de algas marinhas

Valor dessa compra: R$140,00

A intenção é: 
Incluir alimentos mais saudáveis na minha rotina; 
Excluir as bobagens, como doces, massas, frituras e refrigerantes; 
Comer frutas nos lanches entre as refeições;
Beber 3 litros de água por dia;
Caminhar (inicialmente, pelo menos da casa para o trabalho).

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Projeto: Desintoxicação

Estou determinada a emagrecer! Não estou gostando nada do resultados das últimas fotos e do reflexo do espelho. Vou partir para uma desintoxicação alimentar.

Fazer uma desintoxicação alimentar pode ser uma das formas de perder peso rápido, já que com ela é feita uma limpeza no organismo, eliminando todas as impurezas. A dieta detox é uma dieta de baixas calorias, sem carboidratos e com muito líquido. É preciso que a dieta tenha um bom fracionamento para não haver problemas como a queda de pressão e glicose sanguínea.

sábado, 18 de outubro de 2014

Suco Natural

Quero voltar à alimentação saudável... fazer melhores escolhas, pensando na minha saúde, na hora de comer. Uma das coisas que quero abolir de vez é o refrigerante (já consumo pouco, mas quero excluir totalmente). Essa semana experimentei esse suco, e achei ele ótimo. Paguei R$ 7,35 nessa garrafa com 900 ml.

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

3 litros de água por dia


Este post relata o depoimento de uma mulher, Sarah Smith, que, depois de sentir dores de cabeça e estomacais durante anos, procurou um neurologista para saber o motivo destes incômodos constantes. A primeira pergunta do médico foi: “quanto você bebe de água por dia?”, ao que Sarah respondeu: “no máximo um litro”.

A recomendação do doutor foi que ela passasse a ingerir 3 litros de água por dia. Se os sintomas persistissem, eles marcariam uma nova consulta, caso Sarah tivesse melhoras, a solução seria apenas água. Depois de ler numa pesquisa que uma a cada cinco mulheres no Reino Unido segue a recomendação médica de ingerir 3 litros de água por dia, Sarah decidiu se jogar à experiência.

Na primeira fotografia que ela tirou, estava com 42 anos de idade e mostra, sem pudores, o resultado da falta de hidratação: há sombras escuras ao redor dos olhos, umas rugas e manchas vermelhas ao redor do rosto e a pele quase não tem brilho.
Minhas filhas, Alice, de oito anos e Betty, de quatro, disseram que, nesta foto, parece que eu tenho 100 anos. E eu tenho que concordar. Meus lábios parecem murchos”.

Todo o sistema e funções do nosso corpo depende da água. Ela libera as toxinas dos órgãos vitais, transporta nutrientes para as células, proporciona um ambiente úmido para os tecidos do ouvido, nariz e garganta e elimina resíduos. Não beber a quantidade de água necessária por dia significa que todas estas funções ficam prejudicadas. Então, Sarah decidiu ver como se saía com a experiência de ingerir 3 litros de água por dia.

Na primeira semana, Sarah condicionou-se a encher um jarro de litro três vezes ao dia para ter controle de sua ingestão. Para ter melhores resultados, ela começou também a cuidar da pele e do corpo fazendo esfoliações e ioga. Os resultados foram surgindo:

Segunda semana
A segunda semana já foi marcada por uma sutileza de melhora na pele. Sarah notou que seus olhos estavam menos escuros, sua pele com uma cor mais uniforme e seu hálito mais agradável, com uma suavidade na boca. Um dos “problemas” que Sarah teve nesta experiência foi o número de vezes que precisou ir ao banheiro. Às vezes, é difícil encontrar um lugar apropriado nas ruas e “os banheiros parecem estar sempre nos lugares mais escondidos”. Ela achou que com a quantidade de líquido ingerida por dia pudesse se sentir mais inchada, mas, na verdade, sentiu-se mais confortável que o habitual.

Terceira semana
Na terceira semana as olheiras e manchas praticamente desapareceram e sua pele ficou mais gordinha, nutrida. “Meu amigo, que é terapeuta de beleza, diz que isso é porque a água está ajudando a regenerar as células da pele de forma mais eficiente. Tenho notado que eu tenho parado de esfregar os olhos pela manhã quando acordo. Eles costumavam estar secos e cheios de sono. Mas agora não. Toda esta água os mantem úmidos”.

Quarta semana
Ao maquiar-se, Sarah também sentiu que sua pele estava com mais elasticidade e ficou até mais gostoso de passar um delineador nos olhos. “O resultado é totalmente diferente”. Na quarta semana, Sarah surpreende-se com ela mesma: Eu não consigo acreditar na diferença do meu rosto. Eu pareço outra mulher. Não tenho mais manchas escuras nem vermelhas. Minha pele está tão úmida que parece de criança. Sinto-me mais magra e em forma”.
As mudanças se refletem em todas as esferas da vida de Sarah: “sinto-me mais apta, disposta, magra e saudável. Meu marido e amigos dizem que pareço dez anos mais jovem”.

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Compras Empórios

200 gramas de Castanha do Pará e 200 gramas de Damasco desidratado - Paguei R$ 16,80

Farinha Seca Barriga, 120 comprimidos - Paguei R$ 20,00
A vendedora disse pra tomar dois comprimidos antes do almoço e dois antes do jantar. Ela também disse pra beber muito líquido durante o dia.

Suco DetoxGreen, 300 gramas - Paguei R$ 52,50
Nutricomplexo de Vegetais Verdes e Frutas (espinafre, maçã, couve, blueberry, gengibre e salsa)
Vou tentar trocar o jantar por esse suco algumas vezes na semana. Assim que fizer, faço um post a respeito.

Super caro e a embalagem vem pela metade! Sacanagem, né?

sábado, 10 de agosto de 2013

Benefícios do Suco de Uva Integral

O “suco” de caixa que compramos no supermercado é um néctar (com adição de água e açúcar) que tem baixa quantidade de polifenóis (dentre eles o resveratrol) e por isso é pouco eficaz. Para se retirar proveito dos polifenóis, devemos consumir suco de uva INTEGRAL (não contém água nem açúcar) e se for INTEGRAL ORGÂNICO haverá benefício ainda maior.



O suco de uva Integral normalmente é feito de uvas de mesa, pois o feito de uvas viníferas (usadas para fazer vinho fino) é pouco palatável, apesar de conter mais polifenóis, sendo ainda mais benéfico. Esse suco é mais difícil de ser encontrado no comércio. Ex: Suco de uva integral feito de Cabernet Sauvignon.

O suco de uva integral é muito mais rico em Polifenóis e Antioxidantes que qualquer outro suco, como o de laranja por exemplo.

Os benefícios da ingestão diária de 400 ml desse tipo de suco são:
* Coração- Prevenção das doenças vasculares
* Cérebro- Prevenção de Parkinson, melhora da memória, percepção, atenção, raciocínio, aprendizado e cognição.
* Câncer- Ação antioxidante e diminui os danos cumulativos do envelhecimento.
* Fígado- proteção hepática pelos polifenóis
* Obesidade- o suco de uva integral possui fibras saciando a necessidade de comer em demasia, e após 03 meses do consumo diário recomendado, diminui a gordura abdominal.

 O suco de uva integral é um preventivo e não um curativo, hábitos de vida sedentários e obesidade praticamente anulam os benefícios do suco. Assim a ordem de preferência pelos sucos de uva seria a seguinte:
* Suco de Uva Integral de uvas Viníferas (ex: cab. sauvignon, merlot, tannat...) difícil de encontrar, pouco palatável, mas de maior quantidade de polifenóis.
* Suco de Uva Integral Orgânico: por ter menos agrotóxicos na plantação gera mais polifenóis que os integrais não orgânicos.
* Suco de Uva Integral: mais barato que os integrais orgânicos, com menos polifenóis, mas ainda eficaz.

A conclusão é que para se obter os benefícios da uva tinta (a branca contém quantidade muito menor de polifenóis) deve-se tomar 400 ml de suco de uva integral diariamente. Assim, é melhor tomar o suco ao vinho, pois no vinho há presença do álcool (perdendo a proteção hepática dos polifenóis), e consumo diário necessário para gerar as vantagens pode não se tornar benéfico e o preço seria bem mais elevado. Tomar vinho é maravilhoso, mas em questão de benefícios para saúde, o suco de uva integral é mais eficaz.

***

Comprei o Suco de Uva Integral Aurora de 1,5L - que custou R$ 10,75. Pretendo começar com uma ingestão diária menor do que a indicada. O suco é uma delícia, não será nenhum sacrifício tornar isso um hábito.

sexta-feira, 29 de março de 2013

Consumindo Gengibre

Rico em propriedades medicinais, o gengibre é fonte de vitamina B6, cobre, magnésio e potássio. Por ser antioxidante, aumenta a imunidade, previne o câncer e ainda embeleza a pele e o cabelo. 
Acrescente uma colher (chá) de gengibre ralado em suas refeições diárias e note o número do seu manequim diminuir! Ele é um alimento termogênico, ou seja, aumenta a temperatura do corpo, mantém o metabolismo acelerado e eleva a queima de gordura. Como é rico em antioxidantes, combate os radicais livres e deixa a pele livre de rugas.
Vale ressaltar também, que o consumo exagerado pode ser prejudicial.

sábado, 9 de março de 2013

Castanha do Pará e Damasco

Vantagens de consumir essa dupla:


A castanha do Pará possui nutrientes como ácidos graxos, vitaminas B e E, proteína, fibras, cálcio, fósforo e magnésio. Mas a grande estrela é o selênio, um mineral altamente antioxidante que garante longevidade. O selênio combate, por exemplo, o envelhecimento das células causado principalmente pelos radicais livres e previne o aparecimento de tumores e doenças neurodegenerativas, como mal de Alzheimer e esclerose múltipla. A tireoide funciona a pleno vapor na presença do mineral: se não fosse ele, os famosos hormônios fabricados pela glândula não existiriam. Mas não vá com muita sede ao pote, pois como qualquer oleaginosa, essa noz é rica em gorduras. Cerca de 70% de sua composição é de ácidos graxos insaturados, como os ômegas 3 e 6, as chamadas gorduras do bem. Mesmo assim, em excesso, contribui para o aumento de peso. Uma única unidade contém 27 calorias.
Por causa do alto teor de gordura, a castanha do Pará fica rançosa facilmente, por esse motivo, deve ser guardada na geladeira.

O damasco é uma das melhores fontes de vitamina A, devido à presença de beta-caroteno. A vitamina A protege e mantém saudáveis os olhos e a pele, fortifica o sistema imunológico, e é um poderoso antioxidante. Eles também são uma excelente fonte de vitamina E, B2 (riboflavina), vitamina C e licopeno.  O licopeno, é um antioxidante poderoso que ajuda a prevenir o câncer, doenças do coração e enfartes. Os damascos secos são ainda mais nutritivos, pois contêm todas estas vitaminas em doses concentradas.

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Chocolate meio amargo

Já foi comprovado que o chocolate faz bem para a saúde, porém é preciso levar em consideração que existem quantidades certas a serem ingeridas diariamente (de 20 a 100 g ), e que deve ser escolhido o produto com maior concentração de cacau e menor adição de açúcar e gordura.

Entre as vantagens do alimento para a saúde, a prevenção de doenças cardiovasculares e de alguns tipos de câncer, diminuição da pressão arterial, combate a inflamações e auxílio na resposta imune. Isso é possível porque o chocolate amargo tem alto teor de cacau e, consequentemente, vitaminas (A, E, B1, B2, B3, B6 e B12), ácido fólico e minerais essenciais, como magnésio, cobre, potássio, zinco, cálcio e manganês. É bom destacar ainda a presença dos antioxidantes conhecidos como flavonoides.No entanto, quem não gosta do sabor amargo pode recorrer ao chocolate ao leite, que também tem vantagens, mas possui menor concentração de cacau, além de ter mais açúcar e leite. Os tipos menos recomendados do alimento são o branco e o diet, já que o primeiro nem sequer possui a adição do cacau, enquanto o segundo é destinado apenas para aquelas que não podem consumir açúcar. Mesmo escolhendo o chocolate certo, vale a ressalva de que o consumo não pode ser excessivo. 

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Acerola

Olha que sorte a minha: no quintal da minha casa tem um pé de acerola.


                               

Por causa do seu sabor azedinho, a acerola nem sempre agrada todos os paladares. Mas ela é uma frutinha poderosa:
Uma fruta possui aproximadamente 1 grama de Vitamina C (ácido ascórbico). Tem cerca de 100 vezes mais vitamina C do que o limão e a laranja, 20 vezes mais que a goiaba e 10 vezes mais que o caju ou a amora.
 
Três a quatro unidades da fruta suprem as necessidades diárias de vitamina C de um adulto. Também é fonte de ferro, cálcio e vitaminas do complexo B (Tiamina, Riboflavina e Niacina).
 
100 gramas de acerola ( 9 unidades) contém em média 32 calorias.
 
Mas vale lembrar que se a fruta virar suco tem que tomá-lo rapidamente. Senão os nutrientes se dissipam.

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Quinua Real ou Quinoa


Alimento milenar de alto valor nutricional, que já foi usado até na dieta dos astronautas, a quinua – ou quinoa, como foi batizada no Brasil – é encontrada em forma de grãos, farinha ou flocos.
Depois que a Nasa, acrescentou a quinoa à dieta dos astronautas em vôos de longa duração, o mundo redescobriu 'o grão de ouro'. Além disso, foi qualificado pela Academia de Ciências dos Estados Unidos como o melhor alimento de origem vegetal para consumo humano.

A quinoa foi escolhida pela Nasa por ser uma ótima fonte de proteínas de alto valor biológico e fornecer todos os aminoácidos essenciais necessários para a formação de enzimas e de massa muscular e para todo o funcionamento orgânico. Só para entender, os aminoácidos essenciais não são produzidos pelo organismo humano e, por isso, é preciso buscá-los na comida. As principais fontes são os alimentos de origem animal. Como tem uma quantidade muito grande de proteínas e todos os aminoácidos essenciais, além de ser rica em ferro e zinco, a quinoa é de especial interesse para o vegetariano. A quinoa ainda fornece magnésio, potássio, manganês, vitaminas B1, B2, B3, D e E. As vitaminas e os minerais controlam diversas funções orgânicas. Para completar, é um alimento rico em fibras. 

Não há restrições para o consumo da quinoa, mas o público-alvo são os portadores de doença celíaca (ou seja, intolerância a alimentos à base de trigo, centeio, cevada e aveia), já que ela é totalmente isenta de glúten. Os atletas devem ingeri-la antes e depois das provas, pois a quinoa contém ômega 3 e ômega 6, auxiliares no armazenamento de glicogênio nos músculos; as crianças, como alternativa ao leite de vaca; e os idosos, porque se trata de um alimento rico em lisina, aminoácido que ajuda a fortalecer a imunidade e a melhorar a memória.


terça-feira, 2 de outubro de 2012

Água aromatizada

Para facilitar em beber os 2 litros de água diariamente - a cada dia você escolhe um elemento para colocar na sua jarra de agua: um dia você coloca hortelã (digestivo), outro dia 3 rodelas de gengibre (termogênico e anti-inflamatorio), outro morangos ou frutas vermelhas (anti-oxidantes), rodelas de limão (detox). A água absorve as propriedades desses elementos saudáveis e vai ajudando o seu corpo. Como a apresentação fica bonita e o sabor distinto, você toma os dois litros sem perceber e contribui para sua saúde.
Algumas imagens de inspiração:




Deu até sede!


quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Água de Coco

A água de coco apresenta uma associação de substâncias que a tornam especial mesmo quando comparada com bebidas produzidas pelo homen. Ela é rica em vitaminas, minerais, aminoácidos, carboidratos, antioxidantes, enzimas e outros fitonutrientes que ajudam o corpo a funcionar com mais eficiência. Seu conteúdo eletrolítico (mineral iônico) semelhante ao plasma humano garantiu-lhe o reconhecimento internacional como melhor reidratante oral. 

Ou seja: um super sport drink incomparável a qualquer outro produto criado pelo homem com essa finalidade.
Por mais que a característica hidrante dessa bebida seja a mais famosa, os benefícios que ela traz à saúde não param por aí. A água de coco, promove o equilíbrio da química corpórea, beneficiando a saúde como um todo. Ela reduz a pressão arterial e risco de doença cardíaca, previne aterosclerose, facilita as funções renais, protege contra vários tipos de câncer, facilita a digestão, o controle do níveis de glicemia no sangue, a circulação sanguínea, deixa o sistema imunológico mais ativo, possui propriedades anti-envelhecimento e ajuda na preservação de bactérias amigas da saúde. 

Para os esportistas, a água de coco não pode faltar no verão. Ela atua como repositor de eletrólitos, substância que protege contra cãibras e melhoram o desempenho físico, sendo mais eficiente para a reposição de alguns nutrientes perdidos na transpiração do que a própria água.